sábado, agosto 18, 2007

OS BARULHOS DA VIZINHA QUE NÃO GOSTA DE BARULHO...


Ontem a furadeira da reforma do apartamento daqui de baixo voltou a mil. Juro para vocês que cheguei a pensar em algumas hipóteses homicidas pra quando a minha vizinha voltar do hotel, sendo que a minha idéia mais agradável envolvia a dita furadeira e a cabeça dela. Sim, acho que a mulher foi para um hotel, porque pelo barulho que está lá embaixo há quase um mês, a conclusão que eu tiro é que ela resolveu transformar o dois dormitórios dela em um loft. E está derrubando as paredes com a dita cuja da tal furadeira. Juro.
Maaas... ainda sou uma mulher de paz e, afinal, não posso dar exemplos negativos às minhas filhas. Mesmo porque ser presa por vizinhicídio não é uma opção das mais agradáveis.
Não... Devo agir com classe. O negócio é partir para opções mais sutis, como gravar aqui no computador o barulho que fica no meu apartamento quando eles começam com a furação lá embaixo. E aí, das duas uma: ou coloco a gravação no ouvido dela da próxima vez que ligar por barulhos inexistentes aqui, ou penduro um aparelho perto da janela dela sempre que estiver em casa (entre nove e cinco da tarde, claro) e ligo o som da furadeira em volume máximo.

E aí? Vocês não acham que é uma boa????

============================
Sei que prometi que hoje falaria do diploscópio. Mas, devido a problemas com o blogspot, a pesquisa resolveu ficar igual a bêbado em final de noite, ou seja, toda hora caindo-não-caindo. Por essa razão, resolvi estendê-la por mais um ou dois dias, e vocês podem responder por aqui, mesmo. Seguem as alternativas:

ENQUETE DA SEMANA: o que é um diploscópio???
(a) Um instrumento de tortura medieval
(b) Um microscópio para se olhar diplomas
(c) Um aparelho para se tratar de vesguice
(d) Um dispositivo para se segurar um cópio
(e) Um não sei e tenho raiva de quem sabe
(f) Nenhuma das alternativas acima (Dê então a sua resposta criativa, ou nos comentários, ou aqui)

14 comentários:

Yvonne disse...

Menina, essa história ainda continua?KKKKKKKK. Beijocas
P.S.: Já votei ontem.

gaijin4ever disse...

Que amolação essa barulheira toda ein?
Estou gostando demais (e rindo muito!)do ritmo de postagens no ...eeepa!!
Ah, eu também morei por uns tempos na Vila Olímpia, alí na Casa do Ator. Mas isso, há muuuuuito tempo (num prédio de apartamentos, mas felizmente sem uma vizinha debaixo enviado pelo capeta...)
Um ótimo fim de semana!

Claudinha disse...

Ah querida, que tristeza... Meu BB tem um toque de celular que é agudo ao máximo, que tal colocar bem perto da janela dela?
Eu quase enlouqueci, vai funcionar com ela. Beijão!
Votei no outro post e meu avô chamava uma peça do binóculo com este nome. Beijão!

Magro disse...

Vich! reforma em apartamento de vizinho mata qualquer um, ja passei por isso.
A vingança? Assim que acabou a reforma dele, fiz uma no meu!
Abraços.

Floradas de amor disse...

Oiii achei mto engraçado o que escreveu pq já passei por isso de reforma no vizinho, mas não me estressei tanto a ponto de querer matá-los, pode ser tbm que a reforma dos 'meus', tenha sido mais rapidinha hahahhaha
Tenha calma, tudo passa, até isso! hahaha

Boas vibrações sempre!!!
~ASna Brunini

Ciça Donner disse...

Mana se eu fosse vc, usaria as duas táticas com a mulher... mas deixa essas historia de furadeira na cabeca pra lá... faz uma sujeira desgracada e depois tu ainda corres o risco de ter de ter a pele toda estrubufada do sangue da mulher.

• DIPLOSCÓPIO – (Diploscope) – Instrumento utilizado para o estudo da visão binocular. – Aparelho em que cada olho observa um campo distinto e permite obter informações precisas de sua integração. – Instrumento para avaliar a visão binocular, pode utilizar-se no tratamento de suas anomalias.

Agora, vindo vcs... pode ser qualquer coisa

Luma Kimura disse...

Reformas na vizinhança nunca é uma experiência agradável, em apartamento então, nem se fala!!! Só espero que meu vizinhos sejam pacientes, estou para começar uma mega-reforma em casa nos próximos dias, por mais cuidado que a gente tome, acho impossível não fazer barulho, hehehe!

Bom domingo!

Flávia Ross disse...

Oiiiiiiiiiii... nossa, achei seu blog o m�ximo!!! Passo mais ou menos o mesmo problema com vizinhos, s� que o detalhe � que aki no pr�dio parece pr�dio de geriatria... s� d� gente bem velhinha... o mais novo aki deve ter uns 73 anos!!! hahaha... e a janela do meu banheiro � de frente pro banheiro do vizinho e a� sempre escuto sons bizarros... hahahahahahaha mas enfim...se o barulho persistir, quando ela voltar do bem bom e estiver curtindo o loft numa paz... vc faz barulho com furadeira, maquita e tudo mais que fizer bastante barulho... uahuahauhauhauaha... beijoks, ;)

Alyda disse...

Realmente morar em apartamento tem dessas coisas. No apartamento de cima moram pessoas notívagas. A bendita mulher tem a mania de andar de salto alto barulhento de madrugada, isso todos os dias da semana. Fora que parece que jogam bolinha de gude durante a noite - não sei bem se é isso mas juro que o barulho parece. Fora que outro dia inventaram de lavar as janelas às 22:00 hrs.

Mas, furadeira realmente é terrível, tomara que a reforma termine logo pra vc ter sossego.

Adorei seu blog.

Beijos

Davis disse...

Eu acho que ligar a furadeira na cabeça dela é uma idéia bacana... hehehe

Jôse disse...

Quando morava com minha mãe, tinha uma vizinha em cima que adoraaava andar de tamanco às 3 da manhã!
E durante o dia, arrastava TODOS os móveis da casa freneticamente... ¬¬

simone disse...

Oi Linda!

Voce já assistiu o filme "Duplex", se não assistiu e bom assistir quem sabe voce nap tira umas ideias pra resolver esse problema. rsrs.... Estou só brincando. rsrs....

Beijos

Luciana Farias disse...

povo: como eu disse antes, não ligaria TANTO para o barulho se não viesse justamente da vizinha que reclama até se eu solto um espirro (para não falar de outras coisas menos agradáveis...)

Mas deixa eu ficar quietinha que parece que, pelo menos, a furadeira parou...

Gaysita disse...

Estou na mesma situação, ou ainda pior. Acima do meu apartamento tem uma cobertura. A minha nova e querida vizinha resolveu demolir todas as paredes internas e reconstruir o apartamento, não sei como nem porquê. Faz mais de 30 dias que ouço barulho de marretas destruindo tudo, tudo meeesmo!!! Minha vida se tornou um verdadeiro inferno. Já pensei em processá-la, mas isso não resolveria o meu problema. Uma indenização em dinheiro não reporia a minha tranqüilidade, e ela não aprenderia a lição, pois tem muita grana. Isto que ela está fazendo NÃO SE FAZ. Comprou um apartamento que não gostava... então por que comprou?!? É o que me pergunto diariamente. Estou em busca de idéias para "ajudar" essa criatura a ser mais humana, a entender que a paz alheia não deve ser importunada por um capricho qualquer. Estou aqui para me solidarizar com você e dizer que tanto a minha vizinha quanto a sua certamente receberão em dobro (de alguém) todo o mal que nos estão causando, ainda que seja numa próxima vida. Um grande abraço. Gaysita